Buscar

Os museus e o Coronavírus

Atualizado: Abr 16



A NEMO, Network of European Museum Organisations, tem estado a reunir dados sobre o impacto da pandemia de Covid-19 nos orçamentos e nas operações dos museus - dentro e fora da Europa: como estão a actuar, como reorganizaram as suas estruturas e começaram a oferecer novos serviços ao público, ou reforçaram existentes.


Os efeitos da crise são severos nos museus de toda a Europa. Até o momento, mais de 650 museus de mais de 40 países responderam ao inquérito. Uma primeira análise de resultados foi já publicada, incluindo dados sobre perdas orçamentais semanais, estratégias adoptadas para lidar internamente com a actual situação e uma visão geral dos museus que aumentaram sua presença digital.


Paralelamente, a NEMO reuniu uma visão geral de iniciativas encorajadoras, pro-activas e inspiradoras de museus de todo o mundo durante esta situação de pandemia, num documento que pode ser consultado aqui. O inquérito continua activo, permitindo a continuação da monitorização da situação e a comparação de resultados por um período mais longo. A participação dos museus, sejam de tutela pública ou privada, é muito importante para que os resultados sejam relevantes.

O inquérito online aos museus está a funcionar até 17 de Abril, aqui.


#COVID19 #MUSEUS #NEMO #INQUÉRITOS



BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/16

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.