Buscar

C&R Talks

12 Outubro | 14h00 - 18h30 | Palácio Gama Lobo, Loulé




A Reabilitação do edificado tem sido uma estratégia de intervenção urbana e de valorização do sector imobiliário que se tem implementado em Portugal e Espanha nas últimas décadas. Tem especial relevo em Lisboa, Porto, Madrid, Barcelona, etc., embora, como dinâmica de revitalização dos centros urbanos, se tenha expandido para outras cidades mais pequenas e tenha transposto as próprias fronteiras das urbes, considerando também as intervenções nos espaços residenciais unifamiliares dos subúrbios. 


A Reabilitação é um mercado estratégico do ponto de vista económico, e que conseguiu combater a tendência de desertificação dos centros das cidades mas que, com a rápida reconversão e revitalização arquitectónica, económica e social do tecido urbano, tem fomentado igualmente processos de gentrificação e perda de identidade cultural. Essa concepção de identidade cultural é bastante evidente na percepção dos elementos patrimoniais da cidade que nos transmitem valores de autenticidade e que não se limitam ao formal e ao decorativo. 


A Conservação e Restauro, como área técnica, salvaguarda esta materialidade formal e decorativa de forma a garantir a manutenção dessa construção identitária. Todavia, tem tido uma importância reduzida e um papel acessório no âmbito dos processos de projecto e decisão no contexto da Reabilitação.


Nestas conversas, pretendemos perceber se o acto de reabilitar é um acto de intervenção e salvaguarda do património tangível e intangível das cidades.


A participação é gratuita, sujeita a inscrição.



PROGRAMA


14h00 

Recepção dos participantes


14h30 

Abertura: Catarina Valença Gonçalves, Spira - agência de revitalização patrimonial

Keynote Speakers: 

Rui Câmara Borges, Associação Profissional de Conservadores-restauradores de Portugal

Maria Borja, Asociación Profesional de Conservadores Restauradores de España

15h30  

Os principais desafios da reabilitação na conservação do património: enquadramento político e legislativo

Moderação: Maria Borja, Asociación Profesional de Conservadores Restauradores de España

Mesa Redonda:

Rui Matos, Câmara Municipal de Lisboa

Adriana Nogueira, Direcção Regional de Cultura do Algarve

José Malveiro, Ombria Resort

Debate

16h30 

Coffee break

​​

17h00

A reabilitação enquanto espaço multidisciplinar

Moderação: Elis Marçal, Associação Profissional de Conservadores-Restauradores de Portugal

Mesa Redonda:

Raimundo Mendes da Silva, Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra

José Baganha, José Baganha & Arquitectos Associados

Enrique Saíz Martin (Arquitecto independente)

Debate

18h30 

Encerramento: Rui Câmara Borges e Maria Borja

Inscrições em bienalarpa.pt

BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.