Buscar

A Ilustre Casa de Ramires


A Casa da Torre da Lagariça, classificada como Imóvel de Interesse Público em Setembro de 1977, terá sido a inspiração do escritor Eça de Queiroz para a sua obra, “A Ilustre Casa de Ramires”.

A torre foi erguida no século XII destinando-se a funções militares para a defesa da linha do Douro durante o período da Reconquista. Acolheu uma prisão e serviu também, de ponto de vigia. Só mais tarde foi construído o casario que a rodeia, tornando-se casa de habitação dos fidalgos da Torre da Lagariça.

O ponto mais alto da quinta é conhecido por Eira Velha e, conta-se, que era ali que Eça de Queiroz se sentava escrevendo o seu romance admirando a paisagem. Na quinta, encontram-se ainda os nichos da Via Sacra, o Tanque das Murtas, os jardins de inspiração romântica, a mata com bancos de pedra, e uma réplica da torre que serviu de pombal.

Recentemente, alguns investigadores têm-se questionado sobre a veracidade da Torre da Lagariça ter sido de facto a inspiração de Eça de Queiroz. Argumentos geográficos sustentam esta nova teoria.

Fonte: Turismo Porto e Norte, Observador


BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.