Buscar

Paula João Cruz Silva


Nome completo: Paula João Cruz Silva

Idade: 24

Número de 'amigos' no Facebook: 504

Quais os teus principais interesses? Leitura, História e Música.

Formação académica (curso, ano, universidade): Licenciatura em História da Arte pela FLUL, Mestrado em Mercados de Arte, 1º ano pelo ISTE-IUL

Porque escolheste este curso? Vocação ou mercado?

Não pensei de todo em mercado, até porque cheguei a frequentar Ciências Farmacêuticas, a mudança não tinha lógica nenhuma se o objectivo fosse ter garantias de emprego. Como não ser feliz se o meu trabalho consistir num contacto íntimo com coisas bonitas e/ou interessantes? A escolha do mestrado já teve pouco a ver com o mercado, contudo o que ditou a escolha foi mesmo a minha vontade de explorar as minhas capacidades mais científicas, digamos assim.

Preocupa-te mais a ideia de conseguir um emprego estável ou uma boa experiência profissional, mesmo que temporária?

Uma boa experiência profissional, por favor!

Gostavas de ter um ‘emprego para a vida’?

Só mesmo se for o melhor emprego de sempre com os melhores colegas de trabalho de sempre. Mas a resposta é não.

Interessa-te também o passado ou pensas mais no futuro?

Mais no futuro... Sem esquecer que esquecer o passado pode ser um erro.

O que representa para ti o património cultural? Qual a primeira ideia que te vem à cabeça?

Memórias e identidade. Histórias e ficção.

Qual foi a tua última experiência cultural? Foi patrimonial (museu, monumento, exposição…) ou simplesmente lúdica… (Sudoeste, Optimus alive, Rock in Rio…)?

Um concerto num bar. Amanhã vou ver um documentário sobre museus.

O que é para ti visitar um monumento, um museu, uma cidade histórica?

Se for um bom monumento ou museu (não conheço cidades históricas desinteressantes, as cidades têm vida própria), o tempo pára e saio cheia de ideias. É uma terapia e uma inspiração.

Qual é o teu tipo de consumo cultural?

Exposições de arte contemporânea, eventos culturais, concertos, cinema.

Artesanato, artes tradicionais, saberes, costumes…diz-te alguma coisa?

Lembra-me que há poucos cuidados de protecção do património que não se sabe gerir, seja arte popular ou património imaterial.

O Património é uma área que te interesse para uma futura carreira profissional? Já pensaste nisso, em que campo?

Sim. Adoro fazer visitas guiadas, ensinar as pessoas que olham de boca aberta a pensar que não compreendem completamente os "códigos" das artes. Acredito que se essas pessoas gostarem das minhas visitas poderão partilhar a experiência com terceiros e assim começa a edicação cultural e eventual reabilitação do património. Também gosto muito de conceber projectos que à minha escala parecem irrealistas, mas na maioria das vezes passam pela ideia de juntar arte e desporto. Garanto que têm mais em comum do que se possa imaginar.

Faz sentido para ti, uma segunda licenciatura, especialização ou formação específica nesta área (restauro, gestão cultural, etc.)?

Nesta altura já e faz mais sentido a formação auto-didata, melhor ainda aliada a uma experiência profissional ou voluntariado. Talvez em design, jornalismo, gestão, restauro, conservação.

Sabes o que faz um conservador-restaurador, um arqueólogo, um historiador da arte? Já visitaste uma escavação, uma obra de restauro ou acompanhaste um projecto cultural? Tens curiosidade?

Três "sins".

Tens 1 hora livre, 10 euros e estás num bonita cidade mediterrânica: um passeio, um gelado ou um monumento?

O passeio pode ser feito de forma gratuita, por isso vou meia hora a um monumento e tirar algumas fotografias para rever mais tarde, e na meia hora seguinte visito ruas e jardins.

As sugestões de Paula Silva:

- Um artista emergente - Thomas Mendonça

http://thomasmendonca.weebly.com

- Uma música

https://www.youtube.com/watch?v=anK-WR7MbaM

- Um filme

https://www.youtube.com/watch?v=ZYaMRglAAlU/

#HERITAGEPEOPLE #GERAÇÃOY #EMPREENDORISMO

BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/16

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.