Buscar

Exposição "Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra História | Memória | Marcas no Território" em


A exposição "Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra História | Memória | Marcas no Território", inaugurada no passado dia 4 de Julho, na Sala da Cidade dos Paços do Município, em Coimbra, propõe um percurso pelos edifícios e quinta do mosteiro crúzio e evoca os planos de urbanização realizados na sequência da extinção daquela que foi uma das casas religiosas mais importantes e influentes de Portugal, apresentando o que resta hoje do extraordinário conjunto de edifícios construídos e reformados ao longo do tempo. A maquete do território ocupado pela Quinta de Santa Cruz, que permitiu, a partir de 1834, elaborar o ambicioso plano municipal dando início à construção de uma cidade moderna, foi elaborada por Carolina Narciso, da Escola Superior de Educação de Coimbra. Esta exposição contou ainda com a colaboração de Margarida Relvão Calmeiro, Fernando Couto, Nelson Correia Borges, Marco Daniel Duarte, Maria de Lurdes Craveiro, Rui Lobo, Walter Rossa e Inês Parreira, para além dos serviços municipais. As fotografias expostas são da autoria de Pedro Medeiros, Rui Gonçalves Morenos, arquivo municipal e também do arquivo da Universidade de Coimbra.

A exposição define como principal objectivo resgatar do esquecimento o extenso programa construtivo projectado pelos crúzios para o vale da ribela, que se iniciaria a partir de 1131, com o lançamento da primeira pedra da igreja e terminaria, abruptamente, com o decreto do regime liberal, em 1834. Numa viagem até ao passado, podemos conhecer a história, as dimensões territoriais do mosteiro e a importância social e política na história de Portugal.

A mostra pretende ainda dar a conhecer território e salientar a importância deste local [Santa Cruz] para a identidade de Coimbra e para as caraterísticas especiais dos portugueses e da língua portuguesa.

A exposição está patente na Sala da Cidade dos Paços do Município até dia 27 de outubro e a entrada é livre, com horário de Terça a sábado das 13h00 às 18h00.

Imagem: Câmara Municipal de Coimbra

#EXPOSIÇÃO #HISTÓRIA #PATRIMÓNIO #CULTURA #COIMBRA

BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.