top of page

Dr. José Prudêncio Teles Jr.: o homem, o médico e o mito




No dia 8 de Maio assinala-se a data de nascimento do Dr. José Prudêncio Teles Júnior. Da família, e do meio rural onde nasceu, cresceu, e viveu os primeiros anos da sua vida, José Prudêncio Teles Jr., terá herdado algum do fermento ético e moral que alicerçou a profunda dimensão humanista da sua vida, como homem e como médico. José Prudêncio Teles Jr. concluiu a Licenciatura em Medicina e Cirurgia no ano de 1935, em Coimbra. Nesse ano rumou à ilha de Santa Maria, onde iniciou a sua carreira como médico e Delegado de Saúde. Abandonou a ilha, rumo a São Miguel, nos finais dos anos 30, princípios da década de 40. A partir dos finais da década de 40, já na ilha do Pico, movido por um forte impulso idealista e humanista, fez da sua medicina uma ferramenta ao serviço da igualdade, da justiça, da solidariedade e da liberdade. Como homem e figura invulgar, do ponto de vista médico e humano, fez desta prática uma devoção e uma causa, trabalhando dia e noite, calcorreando a ilha de lés-a-lés. Conhecem-se centenas, ou mesmo milhares, de histórias fantásticas sobre este homem e este médico.


Para assinalar a data, e homenagear esta excepcional figura, o Museu do Pico irá inaugurar uma exposição dedicada ao médico e ao homem, que contará com a presença de Rosélio Reis, escritor, para falar sobre a passagem deste médico pela ilha de Santa Maria.


Rosélio Reis nasceu em Ponta Delgada, na ilha de S. Miguel, nos Açores, em Maio de 1948. Com cerca de um ano de idade, acompanhou a família que se radicou em Santa Maria. Desde muito novo colaborou em algumas publicações, tendo as suas poesias e outros artigos sido dispersos pela comunicação social. Já tem dois livros publicados pela Chiado Editora, no mês de Fevereiro de 2020 e de 2021, com os nomes Instantes do Passado e Instantes do Passado II. Instantes do Passado III, da editora Primeiro Capítulo e lançado em 2022, é onde o autor dedica um capítulo ao mítico Dr. José Prudêncio Teles Júnior.


O evento terá lugar no dia 8 de maio, pelas 21h00, no Museu dos Baleeiros. Entrada gratuita.


logolettpreto.png
bottom of page