Buscar

Divulgado estudo sobre monumentos nacionais e abertura ao público


O OPAC – Observatório Português das Actividades Culturais lançou o estudo "Da Salvaguarda à Valorização: Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público”, que decorreu entre Abril de 2019 e Março de 2020, incidindo sobre os bens de património cultural imóvel classificados como monumentos (com a categoria de protecção de Monumento Nacional) abertos ao público. Trata-se de um estudo inédito em Portugal que visa contribuir para o conhecimento destes monumentos, constatada a inexistência de estatísticas oficiais.


No estudo participaram 173 Monumentos Nacionais visitáveis, localizados em todas as regiões do país, sendo que em 2018 estes monumentos contabilizaram um total de 11.878.613 visitantes, dos quais 67% estrangeiros, contando com um total de 1.364 pessoas ao serviço.


O OPAC é uma estrutura constituída em Dezembro de 2018 no ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, no quadro do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES) e tem como missão o "estudo, produção e disponibilização pública de informação rigorosa e actualizada nos diversos domínios culturais, visando desta forma contribuir para os debates actuais na sociedade portuguesa e para a formulação, acompanhamento e avaliação das políticas públicas."


Os primeiros resultados do estudo, que foram agora divulgados pelo OPAC por ocasião da celebração do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (18 de Abril), podem ser consultados aqui.


#MONUMENTOS #PÚBLICO #ESTUDOS

BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.