Buscar

Lisboa, a Cidade do Marquês de Pombal


“Depois do terramoto de 1 de Novembro de 1755, a sua reconstrução sob o governo do Marquês de Pombal serviu, na Europa e no Mundo, para a criação da primeira cidade moderna do Ocidente.” Formulário para submissão à lista indicativa

Até ao dia 1 de Novembro de 1755, a área agora proposta para classificação a Património da Humanidade era um reflexo de tempos da medievalidade, com ruas sinuosas onde os comerciantes vendiam não só produtos tradicionais, como novos produtos trazidos na empreitada das Descobertas. O terramoto seguido de maremoto e incêndio deitou por terra essas centenas de anos de construções. As soluções inovadoras de construção e de urbanismo trazidas pelo Marquês de Pombal (soluções estruturais antissísmicas, contra incêndio, de saneamento e de salubridade pública) foram determinantes para a reconstrução veloz e sustentável da cidade.

Fontes: Formulário para submissão à lista indicativa


BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.