Buscar

Apresentação, em Valladolid, da Bienal AR&PA 2017, de 13 a 15 de Outubro, em Amarante


Decorreu ontem em Valladolid a apresentação oficial da Bienal AR&PA – Bienal Ibérica de Património Cultural, a decorrer entre os dias 13 e 15 de Outubro em Amarante, Portugal, tendo contado com a presençe de María Josefa García Cirac, Conselheira de Cultura e Turismo da Junta de Castilla y León, acompanhada de Catarina Valença Gonçalves, directora da Spira, entidade organizadora da parte portuguesa do evento, bem como de Enrique Saiz, Director Geral do Património Cultural da Junta de Castilla y Léon.

María Josefa García Cirac enfatizou na sua apresentação que esta Bienal Ibérica significa “exportar un proyecto cultural único en España y uno de los tres más importantes en Europa. Supone también que Castilla y León pueda estar presente de manera más permanente en Portugal y en la red Europea”.

A colaboração entre a JC&L e Portugal tem sido particularmente intensa nos últimos anos através de projectos comuns, como é o caso do reservatório Foz Coa-Siega Verde, o único sitio cultural transnacional declarado Património Mundial ou o Plano Românico Atlântico, no qual também participa a Fundação Iberdrola.

Hoje, foi igualmente apresentada a presença espanhola no evento, nomeadamente, o programa “Encontros”, um fórum de debate dedicado a diferentes questões patrimoniais que juntará professionais portugueses e espanhóis de forma a favorecer o intercâmbio de ideias e experiências e fortalecer a criação de relações de ambos os lados. Alguns dos “Encontros” já programados são “La gestión del patrimonio en el territorio” com a participação do Románico Norte de Palencia e a Rota do Românico - Valsousa, Portugal.

Está igualmente prevista uma reunião portugueso-espanhola dedicada à gestão de riscos e emergências no Património Cultural, o que proporcionará a oportunidade de analisar e explicar diferentes metodologia e acções de gestão utlizadas na resolução de situações de emergência que possam afectar os bens do Património Cultural. A Consejería de Cultura y Turismo organiza esta reunião com a UGRECYL (Unidad de Gestión de Riesgos y Emergencias de Castilla y León), a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e o Instituto Português de Construção participando, entre outros, a Guarda Civil da Espanha e a Unidade de Emergência Militar do Exército espanhol.

No decorrer da Bienal haverá ainda um Encontro Transfronteiriço de Agentes Locais, organizado em colaboração com o Gabinete de Iniciativas Transfronterizas de la Junta, cujo objectivo passa por criar vínculos de trabalho entre os agentes locais de Castela y Leon e os portugueses, com o objectivo de promover a realização conjunta de projectos patrimoniais e turísticos.

Veja aqui as principais notícias da imprensa espanhola sobre a apresentação da Bienal AR&PA em Valladolid:


BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.