Buscar

Goretti Queirós


Nome completo: Maria Goretti Vieira Queirós

Idade: 30

Número de 'amigos' no Facebook: 239

Quais os teus principais interesses? Leitura, história e música.

Formação académica (curso, ano, universidade): Licenciatura em Animação Cultural 2007 – Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha

Porque escolheste este curso? Vocação ou mercado?

Vocação, possibilidade de cruzamento de várias áreas (cultural, social, educativa).

Preocupa-te mais a ideia de conseguir um emprego estável ou uma boa experiência profissional, mesmo que temporária?

Neste momento, e especificamente nesta área profissional, considero que ter oportunidades para adquirir experiência é sinónimo de um percurso mais enriquecedor. Ou seja, um conjunto de experiências diversificadas contribuem para alargar e perceber melhor quais as nossas verdadeiras competências. No entanto, há um momento em que é fundamental que esse trabalho se torne estável.

Gostavas de ter um ‘emprego para a vida’?

Sim. Se esse emprego me proporcionasse crescimento e um conjunto de realizações pessoais e profissionais, sim.

Interessa-te também o passado ou pensas mais no futuro?

Penso que é fundamental conhecermos o passado para nos podermos projectar para o futuro. Neste sentido, penso mais no futuro, como sinónimo de progresso e desenvolvimento.

O que representa para ti o património cultural? Qual a primeira ideia que te vem à cabeça?

Identidade. É definitivamente todo o património, material e imaterial, que nos define, nos une e nos distingue.

Qual foi a tua última experiência cultural? Foi patrimonial (museu, monumento, exposição…) ou simplesmente lúdica… (Sudoeste, Optimus alive, Rock in Rio…)?

Patrimonial. Museu do Alvarinho, Monção.

O que é para ti visitar um monumento, um museu, uma cidade histórica?

É perceber a identidade local, os costumes, e a relação que existe entre o passado histórico/património e a contemporaneidade.

Qual é o teu tipo de consumo cultural?

Eventos culturais ao ar livre; Exposições; Literatura.

Artesanato, artes tradicionais, saberes, costumes…diz-te alguma coisa?

Sim. Memórias, e uma identidade que é importante reconhecer e preservar e que, cada vez vais, felizmente, é reinventada e reinterpretada.

O Património é uma área que te interesse para uma futura carreira profissional? Já pensaste nisso, em que campo?

Sim, sem dúvida. Na área da gestão e programação cultural.

Faz sentido para ti, uma segunda licenciatura, especialização ou formação específica nesta área (restauro, gestão cultural, etc.)?

Só ainda não realizei essa vontade por impossibilidades económicas. Mas desejo poder especializar-me (mestrado) em Gestão Cultural.

Sabes o que faz um conservador-restaurador, um arqueólogo, um historiador da arte? Já visitaste uma escavação, uma obra de restauro ou acompanhaste um projecto cultural? Tens curiosidade?

Assisti, por casualidade, a uma intervenção de restauro de uma pintura no exterior da Sé do Funchal. Incrível trabalho de precisão e detalhe. Em contexto académico, visitei as escavações arqueológicas de Eburobrittium, em Óbidos.

Tens 1 hora livre, 10 euros e estás num bonita cidade mediterrânica: um passeio, um gelado ou um monumento?

Um passeio a um monumento…

#HERITAGEPEOPLE #GERAÇÃOY #EMPREENDORISMO

BIENAL AR&PA 2019

OPINIÃO

1/15

Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia, excepto no caso de artigos de autor, nos quais este/a é livre de optar.