Património.pt

 

 

O regresso do Concurso Sardinha 2017 – Festas Lisboa’17


Candidaturas até 15 de Março de 2017

 
Cinco propostas de sardinhas serão premiadas e integrarão a campanha de comunicação das Festas de Lisboa’17.

 

A EGEAC lança a sétima edição do concurso das sardinhas com o objectivo de estimular a criatividade e a participação de todos. Serão seleccionadas cinco sardinhas sendo atribuída a cada uma o prémio de 2.000€.

 

O concurso está aberto a portugueses, estrangeiros e pessoas de todas as idades. As candidaturas podem ser apresentadas individualmente ou em grupo, tendo apenas que utilizar a silhueta base em forma de sardinha. Através da criatividade poderá ser um dos seleccionados.

 

A data limite para entrega das propostas é 15 de Março até às 18h. Para mais informações consultar o site das Festas de Lisboa.

Share

Comentar


Colunistas

Veja também +

PATRÍCIA AZEVEDO, a 14 Mai 2014 |

Recursos educativos "à mão de semear": as espécies botânicas que nos rodeiam

 

Em 2012, tive a oportunidade de realizar o curso de guias do Jardim Botânico, no Museu Nacional de História Natural e da Ciência (MUHNAC). Foi uma oportunidade única de conhecer Alexandra Escudeiro, bióloga e uma grande entusiasta pela botânica (e pelas coisas belas e simples da vida!). Com este curso aprendi a "dar nome" a muitas espécies botânicas, deixando-me levar pelo seu entusiasmo e surpreender por características ou curiosidades fantásticas.

Debate - Património e Turismo: uma relação estratégica?

 

Na primeira grande entrevista dada pelo actual Director-geral do Património Cultural, Nuno Vassalo e Silva, ao Jornal Público no passado dia 10 de Março, abordam-se algumas das questões estratégicas que determinam o presente o o futuro da DGPC.

Tags +

Videos

Lançamento do livro “A Casa Senhorial em Portugal”

 

"A Casa Senhorial em Portugal" é o resultado de uma encomenda da Associação Portuguesa das Casas Antigas (APCA) ao investigador Hélder Carita - um dos mais notáveis estudiosos e historiadores da Arquitectura Civil Portuguesa -, sobre mais de duzentas casas senhoriais distribuídas pelo território português.

VER +

Fábrica de Chocalhos Pardalinho e a distinção da arte chocalheira como Património Imaterial da Humanidade

 

A patrimonio.pt esteve em Alcáçovas para visitar a Chocalhos Pardalinho: uma fábrica a laborar desde 1913, altura em que treze famílias da freguesia se dedicavam à produção dos chocalhos.

VER +

 

® Spira 2012 | design e implementação: ideia, designers __|__ Conteúdos redigidos de acordo com a antiga ortografia excepto no caso de artigos de autor nos quais os autores são livres de optar.